26 Outubro, 2021 In Dicas, Lifestyle By dfhfwrtvweqwhk

Pedras na bexiga

Os cães dálmatas são mais suscetíveis a problemas de pedras na bexiga, devido à sua genética. Os cães desta raça têm menos capacidade de metabolizar adequadamente ácido úrico, um componente presente na digestão. Como consequência, o ácido úrico acumula-se na bexiga formando cristais.

Os cristais de ácido úrico podem alcançar tamanhos progressivamente maiores – semelhantes a grãos de areia ou mesmo pedras – provocando irritações, inflamações e/ou a obstrução do trato urinário. Por mais estranho que possa parecer, é importante que preste atenção aos seus cães enquanto eles urinam, dado que a obstrução completa do trato urinário é considerada uma emergência médica.

Os sintomas mais comuns são a micção frequente, desconforto ao urinar, sangue na urina e infeções secundárias do trato urinário. Os cães machos são mais suscetíveis a esta doença, dada a anatomia dos mesmos (uretra mais longa e estreita).

Se nota que o seu cão sente dificuldade ao urinar, não hesite em contactar o Hospital Veterinário Central Caldas da Rainha Cão de Ló para o 262 824 057! 📞

No Comments

Your email address will not be published.