2 Junho, 2021 In Dicas, Lifestyle By dfhfwrtvweqwhk

Gastropexia preventiva em cães de raça grande

As doenças gastrointestinais são um motivo frequente de visitas ao veterinário. Podem ser causadas tanto por algo simples como o seu cão ter comido algo que não devia, por exemplo, como por problemas mais complicados como a dilatação e torção gástrica.

E é sobre dilatação e torção gástrica que vamos falar hoje. Como o nome indica, nesta doença, o estômago dilata com gás, podendo torcer sobre si próprio, causando problemas na circulação sanguínea, dificuldades respiratórias e outras complicações graves.

Numa fase inicial, pode notar os seguintes sinais:

  • Distensão abdominal
  • Mal-estar e inquietação, que progride para letargia e colapso
  • Salivação excessiva com tentativas de vómito

Se reconhecer estes sinais no seu cão, entre em contacto connosco imediatamente – esta é uma situação de urgência e potencialmente fatal que deve ser tratada com a maior brevidade possível ⚠

Sabe-se que cães de raças grandes e gigantes e cães de peito profundo estão mais predispostos a sofrer de dilatação e torção gástrica. Felizmente, é possível prevenir a sua ocorrência através da gastropexia preventiva.

Este é um procedimento cirúrgico simples em que fixamos o estômago na sua posição anatómica para evitar que torça. É realizado por laparoscopia, uma técnica cirúrgica minimamente invasiva que recorre ao uso de equipamento específico que nos permite aceder à cavidade abdominal através de incisões muito pequenas, facilitando a recuperação do animal.

Para mais informações acerca desta intervenção, não hesite em contactar o Hospital Veterinário Central Caldas da Rainha Cão de Ló para o 262 824 057! 📞

👉 Siga-nos nas nossas redes sociais e fique a par de todas as novidades!
Facebook | Instagram

No Comments

Your email address will not be published.